terça-feira, 12 de julho de 2011

[Espanha] Carta de Eneko Pérez, preso pela defesa dos animais - por ANA

[Espanha] Carta de Eneko Pérez, preso pela defesa dos animais [Na manhã de 22 de junho de 2011, as forças de ordem e segurança do Estado espanhol entraram nas casas de defensores de animais nas regiões de Madri, Astúrias, Euskadi e Galícia. Doze ativistas animalistas foram presos. Depois de vários dias nas masmorras da Guarda Civil, e seguindo as declarações ante ao juiz, três deles permanecem em prisão preventiva enquanto o resto está em liberdade condicional com encargos. A seguir uma carta desde a prisão de Teixeiro, de um dos detidos.]

Tanto eu quanto meus companheiros estamos muito conscientes de quais as verdadeiras razões pelas quais estamos privados de liberdade: as investigações nos vários centros de exploração animal, que temos realizado por todo este tempo e que revelam uma realidade desconhecida por muitos. Uma verdade que incomoda cada vez mais àqueles que lucram com a exploração e morte dos animais.

O esforço de todos estes anos de ativismo começa a dar frutos, e por ele querem nos calar e parar nossa energia, mas chegam tarde demais. O surgimento de apoio estatal e internacional e toda essa confusão em que vários ativistas se viram envolvidos têm posicionado ativistas e organizações em uma mesma frente - tem dado ao movimento estatal uma força até então desconhecida. Pelo menos isto é o que nos enche de força, e não posso estar mais feliz, embora eu esteja hoje privado de algo que eu mereço: minha liberdade.

Pois, se é verdade que as investigações policiais têm sido realizadas de forma diligente, nossa inocência sobre as causas que nos imputam deveria tornar-se aparente, como já são a todas as pessoas que conhecem nosso trabalho. Esta montagem, através da qual muitos companheiros estão injustamente isolados de nossas famílias, nossos amigos e companheiros, é apenas um sintoma de um mundo cada vez mais doente, e mais uma vez demonstra que nossa luta é fundamentalmente necessária.

Amigos e companheiros, eu quero a partir destas linhas agradecer todo o apoio e todo o calor que recebemos a cada dia, através de suas cartas e notícias que nos chegam. São incríveis, não sabem o quanto.

Estamos bem, estamos fortes e saudáveis e nossa consciência está tranqüila.

Um forte abraço e até logo!

Com todo meu carinho, pela igualdade animal.

Eneko.

Quarta-feira, 6 de julho de 2011

• Vídeo
"Prisão para ativistas de direitos animais" (legendas em português):
› http://vimeo.com/26150918
• Direção dos animalistas presos

Escreva e mostre a sua solidariedade. Mas, atenção: todas as cartas são lidas pelo pessoal da prisão. Não escreva sobre assuntos inapropriados.

Eneko Pérez Rodríguez.
2011019978
Centro Penitenciario de Teixeiro, módulo 14.
Carretera Paradela, s/n.
Teixeiro. 15310. Curtis. A Coruña.

Olaya Freiría Mato.
2011019943
Centro Penitenciario de Teixeiro, módulo 10.
Carretera Paradela, s/n.
Teixeiro. 15310. Curtis. A Coruña.

Eladio Manuel Ferreira Díaz.
2011019980
Centro Penitenciario de Teixeiro, módulo 14.
Carretera Paradela, s/n.
Teixeiro. 15310. Curtis. A Coruña.

agência de notícias anarquistas-ana
Vejo o tempo

que passa.

Cabelos grisalhos.

Aprendiz

2 comentários:

Jb disse...

Que absurdo isso, que coisa triste de se lê.

Provos Brasil disse...

E tem outras coisas bem piores meu caro...